Como abrir uma franquia

Você sabe como abrir uma franquia?
Conheça 7 dicas de como abrir uma franquia de sucesso.

Nesse artigo vou dá 7 dicas de como você pode abrir uma franquia que realmente se encaixe com seu perfil, dessa forma ter uma vantagem maior para conseguir sucesso e uma boa rentabilidade.

Evitando correr riscos no empreendimento, muitos investidores preferem lançar uma franquia de uma marca já existente, transformando essa experiência que a empresa franqueadora já tem em uma segurança no negocio.

Então vamos começar sem enrolação. Essas dicas servem para todos os tipos de franquias, não é exclusividade de franquias baratas.

 

1)    Escolha bem a Franquia.

Esse primeiro momento é o mais importante, é a escolha da franquia, crie uma lista com todas as suas habilidades, com o que gosta e também com o que gostaria de trabalhar, depois disso, comece uma pesquisa nos sites das franqueadoras.

Essa pesquisa é importante para ver se aquele segmento realmente faz o seu perfil, pois só assim você terá informações importantes como; Qual o valor de investimento inicial? Quais os pontos fortes? Quais os pontos fracos? Qual o tempo de retorno do investimento? Essas e outras perguntas você deve fazer para conhecer o real perfil da franqueadora.

 

2)    Visite unidades de franquia da marca escolhida.

Se na sua região já existe alguma franquia da marca escolhida, visite o máximo de lojas e de vezes possível, observe o máximo e de preferencia vá como cliente, pois se você se identificar como possível franqueado, pois será complicado tirar uma avalição real de como é feito.

 

3)    Entre em contato com a franquia escolhida e cadastre-se.

Nesse segundo momento você realiza logo após ter escolhido a franquia que mais se adequa as suas habilidades e condições. Entre em contato com a franqueadora, esse contato pode ser por telefone, mas normalmente esse contato acontece pela internet.

Algumas franqueadoras exigem o cadastro no site, é preciso preencher uma ficha de cadastro no qual a franquia avalia o perfil do candidato para uma melhor seleção.

 

4)    Conhecer outros franqueados faz a diferença.

Depois de preencher o cadastro, ocorre a avaliação da empresa franqueadora, se você for aprovado, irá receber a COF (Circular de Oferta de Franquia), na COF você encontrará os contatos de outros franqueados da marca e é aí que entra a parte de conhecê-los.

Alguns deles não vão querer lhe ajudar por achar que você é um concorrente direto deles, mas outros lhe ajudaram e até poderão marcar um encontro para uma conversa sobre a franquia. Nesse momento aproveite para perguntar e tirar todas as dúvidas que ainda restar sobre a franquia.

 

5)    É hora de assinar o contrato.

Como todo contrato, a dica é ler e avaliar cada detalhe do contrato, de preferencia com um advogado de confiança. Aproveite também esse momento para negociar alguns pontos com a franqueadora, pois depois do contrato assinado, geralmente fica mais difícil de ser realizada alguma mudança.

 

6)    Agora é o momento de abrir uma empresa.

Existem franquias que não precisam da abertura de empresa do franqueado, o exemplo é a Auto Brasil, mas a grande maioria é preciso realizar esse procedimento.

Ao abrir uma empresa, além de cumprir algumas obrigações e evitar dor de cabeça mais tarde, como por exemplo, obrigações trabalhistas e fiscais, isso também traz vantagens na hora de locar ou comprar o ponto onde a franquia funcionará.

 

7)     Escolha o ponto e decida se é melhor locar ou comprar o espaço.

A escolha do ponto é um dos processos mais importantes para o sucesso da franquia, não é por acaso que algumas das franqueadoras dão apoio nessa etapa.

Ao analisar o contrato, algumas franquias tem o limite de proximidade entre uma loja e outra da rede, esse também é um ponto que deve ser lembrado ao visitar alguns locais.

Depois de escolher o local, dependendo do segmento escolhido da franquia, terá que consultar a prefeitura se aquela região que está situado o imóvel pode ser utilizado para o ramo do empreendimento.

Na hora de fechar o contrato em caso de locação, escolha acordos com base no prazo determinado de operação feito com a franqueadora, assim, evita possíveis mudanças no valor de aluguel de forma não esperada. Aproveite esse momento para negociar descontos nos alugueis devido a possíveis reformas para adequação do espaço.

Em caso de compra, também é possível negociar descontos devido às reformas e pela condição do imóvel.

 

Após ler as 7 dicas, gostaria de saber o que você achou. Deixe um comentário para o Franquias Baratas dizendo se gostou, ou deixando outras dicas, assim você ajuda a outros futuros franqueados a fazer a escolha certa e ter sucesso no mercado.

 


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *